17.8.17

Q&A | Querem conhecer-me melhor?

Estou por aqui com uma coisa inédita, não na blogosfera mas no Seis da tarde: Perguntas e respostas, vocês perguntam e eu respondo.
Como é de esperar já devem ter visto isto imensas vezes por este mundo dos blogs fora, mas gostaria que se sentissem à vontade para perguntar o que quiserem, sem receios. Alguma curiosidade que tenham sobre mim, a minha vida pessoal, opinião que eu tenha sobre determinado assunto... Esta é uma forma de ficarem a conhecerem um pouquinho mais a pessoa que vocês seguem com tanto carinho e que se encontra por trás deste blog.
Fico à espera.

10.8.17

Pensamos demais

(fotografia da minha autoria)
Acredito que temos de almejar mais liberdade nas coisas que fazemos, nas escolhas que tomamos. Porque a vida é isto mesmo. É o tal cliché de que é feita de escolhas, é o tal cliché de que não é perfeita, mas também é o tal cliché de que é nossa, e que podemos fazer dela o que bem entendermos. Sem crermos saber dos olhares de julgamento sobre algum passo que decidamos tomar, sem crermos saber do que os outros na verdade vão pensar, porque é nossa e só nos cabe a nós julgar se aquele caminho é o melhor e se é aquele caminho que queremos realmente seguir, é desta liberdade que falo

9.8.17

#aleatoria-mente- asas

"Para que preciso de pés quando tenho asas para voar?" Frida Kahlo


*todas as fotografias são da minha autoria

2.8.17

Desafio | Quando olhas, o que vês?

Queridos leitores, queridos seguidores, queridas pessoas.
Hoje tenho um desafio para vos lançar.
Quando olham para o Seis da Tarde, o que vêem?
Descrevam o blog numa frase.

31.7.17

Menorca | Cova d'en Xoroi

Cova d'en Xoroi é um local repleto de misticismo, com um bar localizado dentro de uma gruta com uma paisagem incrível sobre o mar mediterrânico e é um local de visita obrigatória pela sua beleza, que deve ser vivida em todo o seu esplendor. Para além disto a Cova d'en Xoroi ainda esconde uma uma linda história de amor, o que torna tudo ainda mais mágico. 
Lenda de Xoroi
"Estes penhascos que o ar marinho perfuma,
guardam com a sua imponente beleza uma lenda de uma bonita história de amor.
Xoroi, homem de passado desconhecido chegou a esta ilha por mar,
possivelmente como sendo o único sobrevivente de um naufrágio e logo se refugiou neste gruta.
As casas de campo, que na altura rodeavam estas grutas, eram por diversas vezes assaltadas,
sendo que num desses momentos uma bela noiva foi levada por um dos bandidos.
Passaram-se dias, meses e anos, e ninguém mais voltou a saber nada dessa bela moça.
Num dia de um forte Inverno, a ilha vestiu-se de um manto de um branco imaculado,
e umas pegadas suspeitas foram detectadas pelos habitantes.
Homens armados seguiram as pegadas que os levaram até esta gruta.
Nela encontraram um homem, uma mulher e três filhos fruto desse amor.
Xoroi ao ver-se encurralado e impotente para resistir e com medo de ser preso atirou-se ao mar,
e foi seguido pelo seu filho mais velho.
O mar que o tinha transportado até à ilha, fechou-se sobre eles guardando o mistério das suas vidas.
Desconsolados, a mulher e os seus outros dois filhos foram levados para Alaior onde viveram o resto dos seus dias."
Por ser uma atracção para a maior parte dos turistas requer a compra de um bilhete para a sua entrada e visita, podendo optar por juntar a visita a um final de tarde num sunset ou num fim de noite tipo discoteca. A não perder mesmo.